Search icon
Youppi Blog Logo

O que levar em consideração na hora de escolher um plano de internet

06/05/2021 19:36:49

Velocidade, cabeamento, quantidade de mega, benefícios, modem, provedor e instalação são alguns dos termos que surgem quando estamos pesquisando por um novo serviço de internet banda larga. Esse monte de palavras pode assustar e até confundir na hora de escolher um plano de internet para a sua casa, dificultando muito a vida de quem não está familiarizado com esse mundo.

 

Mas não podemos deixar essa dificuldade nos afastar dessa busca pelo plano ideal, afinal, a internet é fundamental para as nossas vidas. Por isso, nesse artigo vamos te dar algumas dicas para encontrar o plano ideal para a sua necessidade e não será necessário decorar o significado de um monte de termos. 

 

Antes de começar a pesquisar por novos planos de internet, é necessário olhar para o seu próprio consumo:

 

Conteúdo deste artigo

1. Qual o seu perfil de consumo da internet?
2. Quantidade de pessoas que vão utilizar a mesma internet
3. Quantos aparelhos ficam conectados na sua casa
4. Tipos de conexão de internet
5. Benefícios adicionais
6. Preço dos planos
7. Reputação da operadora

 

 

1 - Qual o seu perfil de consumo da internet?

 

Você é do tipo que só usa a internet para mandar e-mails e manter contato com amigos e familiares por aplicativos de mensagem ou é daqueles que gosta de fazer downloads, assistir filmes e jogar online?

 

Esses dois exemplos são alguns dos perfis de consumo que existem, o primeiro tem um uso mais básico, enquanto o segundo tem um uso mais avançado.

 

Em geral, a maioria dos usuários está em um meio termo entre esses dois perfis, com um uso mais moderado da rede. Esse uso moderado seriam aqueles que gostam de assistir filmes na netflix, baixar arquivos de vez em quando, ouvir música online e até trabalhar em home-office.

 

O seu perfil de consumo vai definir a velocidade que você precisa para navegar na internet com qualidade e realizar todas as suas atividades com rapidez. Então, é preciso analisar qual o seu uso diário da rede e o que você gosta de fazer enquanto está conectado, de acordo com esse uso, você consegue definir a quantidade de megas que precisa.

 

A velocidade da internet é definida pela quantidade de megas em cada pacote, quanto mais megas mais rápida a sua conexão é.

 

 

2 - Quantidade de pessoas que vão utilizar a mesma internet

 

Além do seu perfil de consumo, você também precisa levar em consideração a quantidade de pessoas que vão utilizar a mesma internet e o tipo de uso que essas pessoas farão da rede. Afinal, quanto mais pessoas utilizam a mesma conexão, mais a velocidade e qualidade do sinal fica comprometida.

 

Em grupos familiares muito grandes é comum que essa queda na qualidade da internet aconteça em horários de pico ou quando estão todos em casa. Portanto, é necessário ter um plano mais completo para dar conta desse uso, mantendo a mesma qualidade de navegação para todos.

 

Porém, caso você more sozinho, não é necessário se preocupar com essa questão, apenas análise o seu tipo de consumo individual e a quantidade de aparelhos que você mantém conectado.

 

 

3 - Quantos aparelhos ficam conectados na sua casa

 

Ainda dentro do tipo de perfil de consumo, também considere a quantidade de aparelhos que você deixa conectado na internet e qual uso de banda larga cada um desses aparelhos faz.

 

Antes de escolher um plano de internet faça essa listinha com seus aparelhos. Você utiliza apenas um celular e um computador? Ou também possui uma Smart TV, videogame, assistente virtual, tablet e outros dispositivos que também usam a sua conexão?

 

Caso você tenha muitos aparelhos, é importante escolher um plano de internet que tenha uma boa transmissão de sinal e acompanhe um modem de qualidade para propagar o wi-fi por toda a sua casa.

 

Antes de contratar, sempre verifique com a operadora se o plano solicitado acompanha modem com roteador wi-fi gratuito.

 

 

4 - Tipos de conexão de internet

 

Outro fator para levar em consideração na hora de escolher um plano de internet, é o tipo de conexão que você vai contratar. Atualmente, a internet pode ser transmitida de muitas formas e, dependendo do plano escolhido, você pode sair em desvantagem.

 

Alguns dos tipos de internet que existem:

 

• ADSL: que utiliza a linha telefônica para enviar o seu sinal;

• Cabo: com cabeamento em fios de cobre;

• Via rádio: que transmite o seu sinal com antenas por ondas de rádio;

• 3G/4G: internet móvel;

• Fibra Ótica: com cabeamento em fibra ótica.

 

Cada uma possui as suas próprias vantagens e desvantagens, porém a internet em fibra ótica se destaca por oferecer a melhor estabilidade de sinal e velocidade de navegação entre todas.

 

Caso exista possibilidade de contratar um plano de internet banda larga em fibra ótica na sua região, faça essa escolha.

 

 

5 - Benefícios adicionais

 

Algo que também pode ser levado em consideração na hora de escolher um plano de internet são os benefícios adicionais que a operadora oferece. Sabe aquele acesso gratuito a um aplicativo ou serviço? É disso que estamos falando.

 

Embora não seja algo obrigatório, esses serviços extras ajudam a melhorar a sua experiência de uso e agregam valor ao produto contratado. Alguns planos contam, inclusive, com assinaturas de serviços de streaming como Netflix, Globo Play, Disney+ e Looke, permitindo que você até economize no final do mês.

 

Então, verifique sempre todos os adicionais que acompanham o plano que você deseja contratar, às vezes são esses detalhes que vão te ajudar na sua decisão final.

 

 

6 - Preço dos planos

 

Essa é uma questão bem particular, afinal quanto você está disposto a pagar por um serviço de internet banda larga? Algumas pessoas não se importam de pagar mais caro e ter a disposição um plano com alta velocidade, enquanto outras preferem economizar e contratar um pacote de serviço mais modesto.

 

O importante é escolher um plano que atenda às suas necessidades de navegação, mas que ainda tenha um bom custo-benefício e não se torne uma dor de cabeça para pagar no final do mês.

 

Por isso, pesquise muito antes de contratar. Nossa dica é que você utilize algum serviço de comparador de plano, como o Youppi, onde você consegue analisar os melhores planos disponíveis na sua região e qual o preço de cada um.

 

 

7 - Reputação da operadora

 

Por fim, sempre pesquise sobre a reputação da operadora que você vai contratar, principalmente quando trata-se de uma provedora nova no mercado.

 

Um bom lugar para constatar a qualidade dos serviços prestados é o site Reclame Aqui, onde você consegue visualizar as últimas reclamações dos usuários e o que a operadora fez para resolver aquele problema.

 

Caso você se depare com uma série de reclamações sem solução, então é bom abrir o olho e pesquisar um pouco mais.

 

Perguntar para amigos e familiares quais operadoras eles usam e recomendam também é uma boa opção.

 

Bom, agora que você já sabe o que levar em consideração na hora de escolher um plano de internet, é hora de começar a sua busca e encontrar o pacote ideal. Que tal te ajudarmos nessa? Utilize o Youppi e confira quais planos estão disponíveis para o seu endereço e navegue com qualidade.

Receba nossas notícias e fique por dentro de tudo :)